Atualmente, encontramo-nos numa fase mais consciente das nossas vidas, na qual, assumimos um compromisso de responsabilidade sustentável, de modo, a contribuirmos para o prolongamento do ciclo de vida das embalagens.
O plástico não é exceção, que, além de versátil, apresenta inúmeras vantagens na utilização pessoal e, também, industrial.

Material durável: o plástico supera o ciclo de vida de outros materiais, como o cartão ou a madeira, o que, em informações reais, traduz-se num maior impacto ambiental e económico, devido à redução da quantidade de unidades necessárias ao longo do tempo;

Material reciclável: além de durável, o plástico, é, também, reciclável, e neste caso, também se posiciona acima do ciclo de vida do cartão ou madeira, o que, também acaba por se traduzir num maior impacto ambiental e económico, devido à redução da quantidade de unidades necessárias ao longo do tempo;

Material manuseável: neste ponto, ressalvamos, que, para o material ser manuseado, não é necessário o uso de luvas, por não se tratar de um material perigoso, e sem conter elementos perfurantes;

Material inalterável: inalterável tanto no peso, como na forma, o plástico, não absorve nem humidade, nem água, resistindo a qualquer perturbação atmosférica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Proudly powered by Wpopal.com
Add to cart